Bem-vindo/a ao blog da coleção de História nota 10 no PNLD-2008 e Prêmio Jabuti 2008.

Bem-vindos, professores!
Este é o nosso espaço para promover o diálogo entre as autoras da coleção HISTÓRIA EM PROJETOS e os professores que apostam no nosso trabalho.
É também um espaço reservado para a expressão dos professores que desejam publicizar suas produções e projetos desenvolvidos em sala de aula.
Clique aqui, conheça nossos objetivos e saiba como contribuir.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Olhe com olhos de ver, indigne-se e não permita que isso se repita



Há alguns dias eu recebi este link AQUI. Após chorar, revoltar-me e sentir raiva de tanta loucura, armazenei o endereço no Delicius.

Hesitei em publicá-lo, porque realmente eu não gostaria que outras pessoas sofressem tanto quanto eu ao ver o dossiê fotográfico que ele traz.

Hoje decidi publicá-lo e de lá reproduzir algumas imagens, pois avaliei que isso não é explorar a morte, isto é tentar fazer com que as pessoas busquem valorizar a vida não permitindo que loucos como os responsáveis por este genocídio fiquem impunes.

Eu não ganho um tostão com isso, não vendo jornais, este blog não tem um único anunciante sequer.

Avaliei que essas fotos são o registro mais cruel de um Estado cínico e criminoso de guerra que não pode continuar a praticar essas ações genocidas. Talvez as histórias registradas nestas imagens tire-nos, por um instante deste conformismo, desta banalização diante da morte e naturalização da violência, talvez ela nos indigne ao ponto de não aceitarmos mais que esse horror se repita.

O Estado sionista de Israel não pode isolar um povo, humilhá-lo, retirar sua humanidade, ceifar a vida que ainda está sendo gestada no ventre das mães palestinas e jogar a fatura no colo do Hamás. Se você ficou indignado, ASSINE A PETIÇÃO para que os crimes de Estado de Israel sejam julgados e seus criminosos recebam a devida punição.
(Caminho alternativo para aderir à campanha: clique AQUI e ao abrir o site escolha campanha, é a campanha 10)

**************
Sobre as fotos que destaquei a Cora Ronai provavelmente tratará com cinismo ímpar como o fez em seu último texto igualando no mesmo cadinho as estatísticas tão desiguais das baixas entre Gaza e Israel, entre civis e soldados e acusando os palestinos de exploram a morte.

Por isso, não falo para pessoas como a Cora Ronai, na verdade todas as fotos das vítimas de Gaza falam por si: a primeira mostra uma criança incinerada (Israel usou vários tipos de bombas proibidas como tungstênio e fósforo, veja aqui e aqui); a segunda foi a que mais me desumanizou: ver o rombo nas costas deste bebê que teve ceifado o seu direito de nascer, já que a bala atravessou a barriga de sua mãe, fez-me sentir envergonhada de pertencer a espécie humana, capaz de atrocidades como esta.




8 comentários:

Clau disse...

Querida amiga
Me uno a sua dor!!! É muito difícil mesmo saber que tudo isso aconteceu e continua acontecendo, sem que as autoridades tomem providências imediatas contra essa verdadeira barbárie!!!! O que podemos fazer? Nos unir a pessoas que, como vc, não ficam simplesmente indignadas, mas colocam-se a serviço do próximo!Conte comigo! Assinei a petição por mim e por minha família! Repassei à todos os meus contatos, sem exceção! Nem todos querem saber, mas aqueles que ainda possuem sentimentos humanos certamente irão assinar tb e mobilizarem-se!!!
Bjs
Clau

RUBENS GUILHERME PESENTI disse...

cruel!!!
hitler deve estar feliz com suas antigas vítimas.
vamos espalhar isso.
indignado!

beijo dolorido, frô.

Maíra disse...

Frô,

Sou filha do Rubens. Ele acabou de me mandar esse link.

Não sei nem o que dizer, ainda estou atordoada. Falar de indignação seria pouco.

Um beijo

Cosmunicando disse...

Frô, eu também vim pelo link do Ru... estou com o estômago virado, uma angústia, não sei o que dizer.

dói, absurdo!

Anônimo disse...

Cara Profª Conceição

Alguma coisa inesperada aconteceu nessa friamente planejada operação miltar do Estado de Israel. Não foi possível aos genocidas evitar que vozes, fotos e vídeos chegassem via Internet aos mais distantes pontos do planeta.
E isso está constituindo um fator que nos permite sair do desespero e da dor imensa para uma imediata luta em que, ao mesmo tempo que divulgamos os fatos terríveis, conclamamos a todos a uma luta sem tréguas para que nasça a humanidade no mundo.
Cumprimento-a pela decisão de divulgar essas fotos e nos conclamar a luta pelo nascimento da humanidade.
Pois como dizia o Geográfo Milton Santos,e a análise dos fatos presentes nos demonstram,há uma imensa falta da presença da humanidade no mundo.Ele dizia que a humanidade ainda não existia. Era uma possibilidade, desejada por muitos.
Que a indignação que essas fotos provocam ajude a fazer nascer a humanidade! O mundo já não suporta mais prosseguir sem ela.
Um grande abraço,
Maria Lucia

Ricardo disse...

Conceição
Vou postar o link para seu blog no Boletim Mineiro de Historia de quarta feira proxima.
Espero que pelo menos umas mil pessoas vejam isso.
É realmente atordoante.
Ricardo

Janaina disse...

OI, vi as fotos através do Boletim Mineiro de História e, como a maioria, senão todos, fiquei indignada. Parabéns pela iniciativa. As fotos, bem como toda a situação, me fizeram refletir acerca da essência humana e o quanto podemos ser frios uns com os outros. Um abraço.

Janaina.

Jaquelina disse...

Recebi de João Sérgio via Twitter o link do blog com a seguinte mensagem: imagens chocantes de Gaza, abri e apenas alguns segundos bastaram para estar envolvida emocionalmente com Gaza, então :"( e saí do blog.

Depois de algumas horas voltei e
na segunta tentativa abri o link, li o texto e olhei rapidamente as outras fotos postadas.


Post no Blog do Mello : Pare tudo por seis minutos e assista a este vídeo

http://blogdomello.blogspot.com/2009/01/pare-tudo-por-seis-minutos-e-assista.html